VIOLÊNCIA NO NAVEGANTES  : Atiradores ferem foliões no ensaio de banda

VIOLÊNCIA NO NAVEGANTES : Atiradores ferem foliões no ensaio de banda

Momentos de pânico durante ensaio carnavalesco, quando o público que se divertia foi alvo de atiradores que passaram em dois carros

SAMU conduziu os feridos para atendimento

SAMU conduziu os feridos para atendimento

Tristeza no Carnaval pelotense. A folia foi atingida pela violência. Numa atitude ensandecida e criminosa, tripulantes de dois veículos, um Voyage e um Sandero, efetuaram disparos em direção a crianças, jovens, adultos e idosos. O fato ocorreu no início da madrugada de quinta, à rua Darcy Vargas no Navegantes, quando era realizado ensaio da banda Dona da Noite. Conforme o relato dos foliões que estavam no local, os veículos surgiram repentinamente, e atiraram tanto na direção do público, quanto para o alto.

FERIDOS – A Brigada Militar foi acionada, e ambulâncias do SAMU foram até o local, para socorrer onze feridos. Entre as vítimas, idosa e adolescentes. Durante a madrugada foi intenso o movimento no Pronto Socorro, com os familiares e amigos, preocupados com a condição dos atingidos. Um quadro clínico, mais delicado, é que exigiu dedicação redobrada dos plantonistas.

INVESTIGAÇÃO – A polícia está no encalço dos criminosos, e conta com a colaboração de quem puder informar pistas. A poucos dias da grande festa popular, a covardia não pode prevalecer sobre o direito à cidadania. Algumas informações já chegaram na delegacia, e há possibilidade que os suspeitos seja brevemente identificados.

DONA DA NOITE – Os ensaios da banda Dona da Noite, que estavam acontecendo às quartas e sextas, conforme divulga a direção, estão cancelados. Os tiros silenciaram a batucada, mas não a coragem de desfilar. E a banda pretende estar na passarela no Carnaval 2019. A direção da entidade carnavalesca, divulga nota à população – ver box -, onde lamenta o episódio, e salienta os dezessete anos de devoção à cultura popular.

SOLIDARIEDADE – A banda tem recebido inúmeras manifestações de apoio e solidariedade. Entidades carnavalescas estão unidas, e o anseio é pela punição dos responsáveis. Numa rede social, a foliã Lucielle Barbosa publicou: “Eu tinha dez anos quando pulei na Dona da Noite pela primeira vez. Minha família inteira foi, e desde então passamos a desfilar com a banda todos os anos. A Dona sempre foi uma banda do povo, respeitosa e representativa, sempre desfilamos com segurança e nunca houve reclamações a fazer.
Por isso, digo que a Dona não tem culpa dos acontecidos de ontem. Ainda não sabemos quem são os culpados, mas sabemos que os únicos que devem responder por tal ato, são as pessoas que estavam com aquelas armas na mão. Obrigada Dona por todos os anos de desfile, espero que este ano o desfile seja melhor ainda, eu estarei na passarela com certeza. Apesar do triste ocorrido, espero que fique tudo bem”.

XAVABANDA expressou: “Diante os acontecimentos na noite passada no ensaio da nossa coirmã, a Xavabanda se solidariza com todas as famílias que foram atingidas.
Deixamos também o nosso apoio à banda Dona da Noite, que não teve culpa alguma com o ocorrido, bem como achamos injusto o Carnaval levar a culpa da criminalidade da cidade”.

NOTA DA BANDA DONA DA NOITE

IMPORTANTE!

Vocês não têm noção de como está sendo difícil esse momento. Como está difícil até mesmo de escrever essa nota. Nosso Coração está dilacerado, partido em mil pedaços. Em anos de ensaio de rua nunca passamos por isso. A Dona sempre foi uma entidade simples, humilde. Demorou muito tempo para termos a coragem de começar a ter um ensaio de rua, principalmente pelo medo.

Um fato de extrema violência nos atingiu na noite de ontem. Vidas expostas nas armas de quem não tem um mínimo de compaixão. Pra quê? Porquê? Não conseguimos assimilar ainda esse fato, não conseguimos ainda entender o que leva seres humanos a cometer esse tipo de ato. Famílias estavam lá para se divertir, se distrair e sair um pouco da dura realidade que nos assola. Mais triste é ver alguns comemorando esse ato por simplesmente levar a competição para fora do âmbito de passarela. O que ganham com isso? Cadê a empatia? Nós repudiamos qualquer ato de violência, qualquer ato discriminatório. São 17 anos de luta para representar uma comunidade que, além da carência social, tem a carência cultural.

Agradecemos a todos que estão mandando mensagens de apoio, a todos que não estão nos acusando ou apontando o dedo. Agradecemos aos familiares das vítimas que, em nenhum momento acusou a Dona da Noite de nada. Agradecemos aos nossos diretores e apoiadores que ficaram no hospital até às 3 horas da manhã dando atenção necessária para os familiares. Um fato triste que ficará marcado infelizmente em nossa história. Gostaríamos muito de ter o poder de ter evitado isso. Infelizmente não conseguimos. Infelizmente começamos a perceber que diante da atual conjuntura da violência que assombra o país e ao nosso município faz com que por este ano os ensaios de rua da Dona da Noite sejam cancelados. Pedimos perdão a todos e compreensão. Não temos mais psicológico para expor a nossa comunidade ao risco da violência. Aos que acusam o Carnaval, fica a reflexão de que isso poderia ter acontecido em qualquer ambiente, em um evento cultural no centro da cidade, em jogo de futebol, até mesmo em frente de uma escola. Não é culpa do Carnaval esses atos extremos. Antes de colocar seu preconceito pra fora, reflita que muita gente trabalha arduamente para levar à passarela do samba, alegria para quem não tem acesso à cultura, alegria para aqueles que por um momento querem uma fuga da dura realidade. Você não gostar de Carnaval não te dá o direito de julgar quem só quer fazer o bem para a comunidade. Pesquise, visite as comunidades que têm entidades carnavalescas. Veja o trabalho social que realizam, pois ao invés de ficar diante de um computador reclamando ou semeando a semente do preconceito, vá a uma delas e colabore. O trabalho de 2019 continua. Continuaremos a vender nossos abadás, mas infelizmente os ensaios estão cancelados.

Obrigado a todos de coração pelo apoio e orem pelas famílias das vitimas. Estamos a disposição para qualquer esclarecimento. E vamos esperar as investigações para podemos entender o que de fato levou a esse ato monstruoso.

Atenciosamente

Banda Cultural e Recreativa Dona Da Noite



Fonte: Diário da Manhã
Redação: redacao@diariodamanhapelotas.com.br

Deixe uma resposta