Retas ganham espaço na Tablada

Retas ganham espaço na Tablada

As corridas de reta disputadas em 500 ou 550 metros, estilo muito prestigiado pelo público sulista, vêm ganhando cada vez mais destaque nas programações do Jockey Club Pelotas. Somente nesta temporada já foram realizadas cinco provas da modalidade e a tendência é da diretoria do clube seguir apostando na atração. O recorde batido por Hello Moto, que em janeiro correu os 550 metros em 20 segundos, valorizou ainda mais as retas na programação do Jockey Club.

Mesmo que alguns jóqueis e treinadores considerem as retas menos emocionantes que as provas de volta, grande parte dos apostadores acostumados da Tablada aprova e defende suas realizações. A preferência, arraigada na cultura típica das zonas rurais do interior do Rio Grande, se traduz em um volume de apostas até 40% maior do que o normal. ““Em um páreo normal com cinco cavalos, o volume de apostas costuma girar em torno de R$ 40 mil, já em uma reta com o mesmo número de animais se chega a R$ 70 mil”, confirma o presidente Antonio Meirelles, presidente da Comissão de Corridas do Jockey Club de Pelotas.

Esse é o principal motivo que faz a direção do clube já garantir a realização de pelo menos uma prova de tiro curto no festival de corridas do Grande Prêmio Cidade de Santa Maria marcado para o dia 3 de março.



Fonte: Diário da Manhã
Redação: redacao@diariodamanhapelotas.com.br

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: