Morador de rua denuncia que tutora o abandonou

Morador de rua denuncia que tutora o abandonou

Homem de 57 anos que vive na rua, compareceu na Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA), para denunciar que a ex-mulher, sua tutora há seis anos, está dilapidando o seu patrimônio e o abandonou. De acordo com o Boletim de Ocorrência, o homem que afirma dispor de propriedade com catorze hectares – local com pedreira -, e aplicações na Caixa Econômica Federal, tem sobrevivido ao relento. Conforme registra, a “tutora” apropriou-se dos bens, e não lhe dá nenhuma ajuda financeira.

ABANDONO – Em 2012, diz o morador de rua, num momento delicado, precisou ser interditado. A mulher então assumiu o papel de tutora. Porém, ele passou a penar com dificuldades, e ela a usufruir dos bens. Segundo a vítima, ele não tem como acessar recursos no banco, e ao pedir ajuda à tutora, ouviu que desejava sua morte, para ficar com a herança. E se insistisse seria internado como louco no manicômio.

VIA JURIDICA – O homem deseja reaver bens, suspender a tutoria, e informa que está em contato com advogado.



Fonte: Diário da Manhã
Redação: redacao@diariodamanhapelotas.com.br

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: